Estado de Alagoas

Apresentação   Cidades   Links 


Informações sobre Alagoas
População 2.633.339  Homens 1.285.173  Mulheres 1.348.166 
Área Total(km2) 27.933  Densidade pop. 94.00 
Fonte: IBGE
Uma inigualável sucessão de magníficas praias, concentradas numa extensão de 230 Km, caracteriza o litoral deste Estado de 27.731 Km2. Aí, o generoso sol do ano todo, filtrado pela imensidão de coqueirais à beira-mar, revela uma das mais fascinantes paisagens do Nordeste Brasileiro, beneficiada pelas facilidades de acesso e pela tranquilidade de uma natureza quase intocada, junto à qual se preservam importantes conjuntos arquitetônicos e históricos. No centro dessa privilegiada região, visitada pela primeira vez em 1.501, por Américo Vespúcio, está a bela capital, Maceió, com seu variado conjunto de atrações, dotada de todos os recursos que garantem roteiros seguros para se conhecer o que Alagoas tem de melhor. Muito próximo, ligada por rodovia asfaltada e com pontes sobre as lagoas que recortam a paisagem da região, fica a histórica Marechal Deodoro. No extremo sul, junto ao rio São Francisco, que divide Alagoas e Sergipe, a também histórica Penedo, a 185 Km da capital. A partir de Maceió, na direção norte, outra sucessão de praias bordadas de coqueiros está no caminho até Maragogi, passando por Floriano Peixoto (berço do Marechal Floriano), Barra de Santo Antônio e Porto Calvo. Mas Alagoas é ainda mais do que mar, sol e história. Sua culinária típica, onde estão presentes peixes, camarões e frutos do mar - entre eles o sururu, apanhado nas lagoas que cicundam Maceió - está entre as mais estimulantes do Nordeste. Famoso também é seu artesanato, com destaque para as rendas - filé e labirinto. E o folclore, que pode ser apreciado em diversas ocasiões, reúne um grande número de manifestações, como, entre outras, o reisado, o guerreiro, a chegança e o quilombo. Esta última lembra um dos mais marcantes capítulos da luta de libertação dos escravos, quando, liderados pelo legendário Zumbi, os negros fugitivos organizaram inúmeros "quilombos", fundando a sua república dos Palmares, exterminada em fins do século XVII.

Fonte: EMBRATUR